Especial: Retrospectiva Disney 2011


Destaques, Matérias de Nostalgia

 

Seja bem vindo à nossa Retrospectiva Especial Disney de 2011! Aqui você poderá recordar conosco os principais acontecimentos desse ano tão agitado e único! Os aguardados lançamentos cinematográficos e em Home Vídeo, as notícias mais surpreendentes, empolgantes e desanimadoras, as perdas, as vitórias, os grandes eventos… Tudo isso e muito mais você confere agora nesse grande especial de fim-de-ano, o qual esperamos que seja de seu total agrado. Boas festas!

 

 

 

Começamos muito bem o ano quando vimos enfim a luz brilhar! Em 07 de Janeiro chegava aos cinemas nacionais o novo longa-metragem de animação da Walt Disney Pictures, “Enrolados” (“Tangled”), após passados quase dois meses desde a estreia nas telonas norte-americanas. E, embora muitos tenham torcido o nariz para o desempenho vocal de Luciano Huck (que dublou os diálogos do bandido Flynn Rider), por aqui o filme foi um grande sucesso de público e crítica, chegando a liderar as bilheterias brasileiras em seus dois primeiros finais de semana em cartaz e a convocar nada menos que 2 milhões de pessoas, arrecadando mais de R$21 milhões de reais!

Em relação ao plano internacional, a situação não foi diferente! “Enrolados” obteve 89% de aprovação no site Rotten Tomatoes, sendo considerado tanto pelos fãs dos estúdio quanto pelos críticos um legítimo Clássico Disney, à altura de outras grandes produções da casa como “A Pequena Sereia”“A Bela e a Fera” e “Aladdin”! Além disso, os lucros foram igualmente bastante positivos! O filme faturou cerca de $590.7 milhões de dólares mundiais ($200.8 milhões dos EUA e $389.9 milhões vindos de outros países), tornando-se desse modo a animação mais lucrativa da Disney após tantos anos de fracassos e desempenhos mornos (embora não tenha conseguido cobrir todo o seu altíssimo orçamento de $260 milhões). E melhor: o longa atingiu o posto de 2º Clássico mais rentável de toda a história do estúdio, ficando atrás apenas de “O Rei Leão” (em valores não ajustados pela inflação, claro).

Neste período, alguns cinemas nacionais também receberam o terceiro título da Linha Disney Nature“Oceanos”, documentário sobre a vida marinha que arrancou vários elogios da crítica por conta de suas belíssimas sequências filmadas em mais de 50 locações com o uso das mais avançadas tecnologias. Contudo, no Brasil o filme foi distribuído irregularmente em um circuito limitado pela Play Arte, já que a Disney Brasil deixou de distribuir a série desde Maio de 2010. Atualmente, “Oceanos” já se encontra disponível em DVD e em Blu-ray.

 

 

E na premiação anual do Golden Globe Awards (popularmente conhecido como Globo de Ouro), a Pixar Animation Studios ganhou, pelo quinto ano consecutivo, o prêmio de Melhor Filme de Animação por “Toy Story 3″, recente Clássico do estúdio lançado em Junho do ano passado. E, para a total surpresa (ou não) de todos, o longa foi indicado à categoria Melhor Filme na 83ª Premiação da Academia de Artes & Ciências Cinematográficas, o popular Oscar®, sendo a terceira animação a ser indicada ao prêmio (as outras duas foram “Up – Altas Aventuras”, também da Pixar, e o Clássico “A Bela e a Fera” da Disney). Ele também recebeu indicações à Melhor Roteiro AdaptadoMelhor Longa de AnimaçãoMelhor Edição de SomMelhor Canção Original por “We Belong Together”. As demais indicações dadas ao estúdio foram: Melhor Curta Animado para “Day & Night”Melhor Canção para “I See the Light” de “Enrolados”Melhor Edição de Som para “Tron: O Legado” (“Tron: Legacy”) e Melhores Efeitos EspeciaisMelhor Direção de ArteMelhor Figurino para “Alice no País das Maravilhas” (“Alice in Wonderland”) de Tim Burton.

E  das premiações vamos aos games! Em 11 de Janeiro, três meses após o lançamento japonês, chegou às prateleiras norte-americanas Kingdom Hearts Re:Coded, o remake completo produzido para Nintendo DS de “Kingdom Hearts: Coded”. Assim como em “Kingdom Hearts Re:Chain of Memories”, o game contou com novas adições feitas a partir do jogo original, incluindo configurações de dificuldade ajustáveis, elementos multiplayer e a presença de um novo filme secreto. Em 20 de Janeiro, também foi lançado no Japão uma espécie de “Edição Especial” de “Kingdom Hearts: Birth by Sleep”, intitulada “Final Mix”, apresentando por sua vez novos extras e eventos adicionais ao game, sem interferir em sua história original, claro.

 

 

Janeiro foi igualmente o mês de inauguração do Disney Dream, o novo cruzeiro da Disney que, dentre outras novidades, apresenta consigo a primeira montanha-russa aquática de um navio: o AquaDuck. O Disney Dream também conta com piscinas, musicais, restaurantes franceses (com os mesmos cenários vistos em “Ratatouille”), compartimentos como o Royal Palace (Palácio Real), o Enchanted Garden (Jardim Encantado) e o Animator’s Palace (Palácio do Animador), tripulantes especiais como Mickey, Minnie, Pato Donald, Margarida, as Princesas com seus respectivos Príncipes entre muitos outros, e, por fim, um sistema especial de buzinas que reproduzem seis melodias Disney diferentes!

 

 


“Kingdom Hearts Re:Coded”

“Kingdom Hearts: Birth by Sleep, Final Mix”

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=98AybJMROZA

“Kingdom Hearts: Dream Drop Distance“

Canal Disney Júnior:

 

 

 


Fevereiro começou com merecidas homenagens aos 33 mineiros que ficaram soterrados durante 70 dias no norte do Chile ano passado em decorrência de um infeliz acidente. Eles foram convidados pela Disney para passarem, junto de suas famílias, seis noites de férias nos parques temáticos do estúdio, onde foram recebidos calorosamente, com direito à festas de boas-vindas e desfiles no parque Magical Kingdon, no Walt Disney Word Resort na Flórida.

 


 

Os fãs dos Clássicos Disney também tiveram muito com o que comemorar! Em um encarte da Edição Diamante norte-americana de “Bambi”, foram confirmados os lançamentos em alta definição dos filmes “O Cão e a Raposa” (“The Fox and the Hound”), mais sua continuação “O Cão e a Raposa 2″, e “A Dama e o Vagabundo” (“Lady and the Tramp”), ambos prometidos para Setembro de 2011 e para a Primavera de 2012, respectivamente.

 

 

E em 27 de Fevereiro, foi celebrada no Kodak Theatre em Hollywood, Los Angeles, a cerimônia do Oscar 2011! Neste caso, “Toy Story 3″ ganhou duas das cinco categorias em que fora indicado: Melhor Filme de Animação (o que muitos já esperavam que acontecesse) e Melhor Canção Original por We Belong Together (sim, ainda não foi dessa vez que uma animação ganhou o Melhor Filme). Já “Alice no País das Maravilhas”, de Tim Burton, não ficou para trás e conseguiu levar duas estatuetas: a de Melhor Figurino e a de Melhor Direção de Arte. Infelizmente, tanto “Enrolados” quanto “Tron: O Legado” saíram da festa de mãos abanando.

 

 

 

“Pollen”

“Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas” – Comercial Estendido do Super Bowl 2011

 


 


No início do mês de Março, o Japão sofreu de terríveis terremotos e tsunamis que abalaram grande parte do país e tais catástrofes também resultaram no fechamento imediato do Tokyo Disney Resort com cerca de 77.000 visitantes presos no local, já que o estacionamento do parque ficou completamente inundado, impedindo dessa forma as pessoas de saírem de lá. Os visitantes foram evacuados para áreas seguras do Resort onde receberam comida e abrigo e ainda passaram a noite no local. Os tremores e inundações prejudicaram grande parte da estrutura da Disneyland Tokyo que teve de permanecer fechada por mais alguns dias.

 

 

E em 11 de Março“Marte Precisa de Mães” (“Mars Needs Moms”), o novo projeto em motion-capture do produtor Robert Zemeckis, entrou em cartaz nos EUA. Entretanto, o filme acabou se tornando um fracasso total devido à sua pífia arrecadação de $38.9 milhões de dólares mundiais (para um orçamento de $150 milhões) e à má recepção por parte da crítica (apenas 36% de aprovação no portal Rotten Tomatoes). E, como se isso não bastasse, segundo certas fontes, tal desempenho acabou enterrando de vez a realização do futuro remake de “Yellow Submarine” (“Submarino Amarelo”), clássico animado dos Beatles, que também seria produzido em motion-capture por Zemeckis, lembrando que a ImageMovers, responsável por esses longas, já havia sido fechada pela Disney em Maio de 2010. Apesar de ter sido anunciado para o dia 19 de Agosto nos cinemas, “Marte Precisa de Mães” acabou sendo lançado diretamente em Home Vídeo por aqui (e apenas em DVD).

 

 

No dia 16 de Março, enfim chegou nas melhores lojas nacionais a Edição Diamante em DVD e em Blu-ray Disc do Clássico “Bambi”, o filme predileto de Walt Disney. Infelizmente, a edição recebeu um acabamento muito simples por parte da Disney Brasil, com uma luva (sobrecapa) sem efeitos visuais e de abertura superior-inferior (em oposição às antigas luvas de abertura lateral), sem nenhuma arte interna e com um mero encarte anunciando o Blu-ray de “Enrolados”, o que desapontou em muito os fãs e colecionadores brasileiros que esperavam por um pouco mais de capricho em um lançamento desse porte. Inclusive, o Disney Mania disponibilizou na época algumas artes internas e encartes de sua própria autoria para quem estivesse disposto a tornar a sua “Edição Carvão” em algo mais próximo a uma “Edição Diamante”.

 

Unboxing da Edição Diamante nacional de “Bambi” :

Vídeo feito por Bruno Cabral do BJC

 

Além disso, não só no Brasil mas no mundo inteiro, ao contrário de “Branca de Neve e os Sete Anões”“A Bela e a Fera”, a edição não contou com nenhum disco de extras, despadronizando cada vez mais a Coleção Diamante (como se já não bastasse as capas com títulos verticais e cabeçorras). E nem é preciso dizer com detalhes o quanto todos os Disney Maníacos ficaram deveras frustrados com tal decisão da matriz internacional. Os únicos pontos positivos do lançamento foram a belíssima remasterização do Clássico em alta definição e a presença de grande parte do material bônus da Edição Platinum de 2005. A Edição Diamante de “Bambi” também foi a primeira agraciada pelo Disney Second Screem, ferramenta que apresenta um vasto conteúdo extra e que pode ser acessada apenas por conexão via internet ou iPad.

 

 

No mesmo dia 16 de Março, os fãs e colecionadores nacionais receberam a Edição de 60º Aniversário do Clássico “Alice no País das Maravilhas” (“Alice in Wonderland”) de 1951, tanto em DVD quanto em Blu-ray. Tal lançamento foi ainda mais simples que “Bambi”, sem luvas ou artes internas. Mas, felizmente, o longa também recebeu uma fantástica restauração de imagem e som, ressaltando ainda mais o seu visual ousado e psicodélico, sem falar da satisfatória quantidade de bônus especiais, mesmo sendo uma edição de um único disco.

 

Unboxing da edição nacional em Blu-ray de “Alice no País das Maravilhas” :

Vídeo feito por Bruno Cabral do BJC

 

A propósito, falando em edições simples, outra notícia pegou vários fãs e colecionadores de surpresa na época: a Edição Diamante de “O Rei Leão” (“The Lion King”), um dos Clássicos animados de maior prestígio e admiração da Walt Disney Pictures, também seria lançada sem nenhum disco bônus de extras especiais! As informações foram divulgadas pelo portal Blu-ray.com, e, posteriormente, confirmadas pela matriz internacional. E é claro que os grandes admiradores do filme ficaram possessos! Afinal de contas, um longa do naipe de “O Rei Leão” merecia um tratamento bem mais caprichado e à altura da majestade do filme em si. Na verdade, até hoje muitos ainda não se conformaram com tal atitude da Disney, que por sinal parece ter decidido que todas as Edições Diamante, a partir de “Bambi”, serão simples, despadronizando de vez a já não tão prestigiada coleção.

 

 

Março chegou ao fim com o anúncio da nova data de lançamento de “Brave” (no Brasil, “Valente”) nos EUA: 15 de Junho de 2012, sendo que a atriz Reese Witherspoon, que originalmente iria dublar a protagonista Merida, deixou o projeto por conta de problemas com agenda e foi substituída pela atriz escocesa Kelly Macdonald. Mais tarde, o filme foi confirmado por aqui para o dia 20 de Julho de 2012.


 

“A Melhor Festa do Ano”

“Carros 2″

“A Fabulosa Aventura de Sharpay”

“Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas”

 


 


Em 04 de Abril, a matriz oficial da Disney anunciou o adiamento de “Monsters University”, a “prequência” de “Monstros S.A.”, que de 02 de Novembro de 2012 passou a ter como data de estreia o dia 21 de Junho de 2013 (para a total impaciência e ansiedade dos fãs.).

E em 13 de Abril, foi a vez do mais novo Clássico Disney, “Enrolados”, ser lançado em Home Vídeo no Brasil! Os fãs e colecionadores nacionais foram agraciados com edições em DVD e em Blu-ray Disc, incluindo um pack especial do filme em DVD acompanhado de uma camiseta, adesivos e um porta-objetos e uma capa diferenciada para o lançamento em alta definição. Por sinal, “Enrolados” foi o primeiro longa do estúdio a ser lançado por aqui no formato Blu-ray 3D, em uma edição simples, isenta de combos especiais e outros itens colecionáveis. O Clássico também liderou as vendas em Home Vídeo nos EUA já na primeira semana em que esteve disponível para compra direta no país!

 

Unboxing da edição nacional em Blu-ray de “Enrolados” :

Vídeo feito por Bruno Cabral do BJC

 

Os grandes fãs de “O Rei Leão” ainda estavam bastante decepcionados com o anúncio da Edição Diamante simples, mas eis que uma notícia surpreendente levantou por completo o ânimo de todos! A Disney Brasil confirmou exclusivamente para o Disney Mania a vinda do relançamento do Clássico em 3D para as telonas nacionais! Conforme o anunciado, o rei das savanas em Terceira Dimensão chegaria ao melhores cinemas do país no dia 26 de Agosto de 2011, data esta recebida com grande festa e entusiasmo pelos Disney Maníacos brasileiros! E se as coisas não poderiam ficar melhores, elas melhoraram! Foi igualmente confirmada na ocasião a data de lançamento da Edição Diamante do filme para o dia 28 de Setembro de 2011! E pensar que tudo isso era apenas o começo…

 


 

A matriz internacional anunciou nessa mesma época a vinda da edição em Blu-ray 3D de “A Bela e a Fera”, em um combo especial de cinco discos (Blu-ray 3D + Blu-ray “convencional”+ Blu-ray de extras+ DVD+ Cópia Digital). Em meados de Abril, também surgiram certos boatos de que o Brasil enfim teria o seu próprio pavilhão no complexo temático Epcot, no Walt Disney World em Orlando (EUA). O projeto certamente ainda atrai o interesse de várias empresas brasileiras, que seriam bastante beneficiadas com o grande marketing que seria feito do país caso o assento de fato fosse construído. Contudo, nada foi confirmado até agora.

Em 29 de Abril, o mundo celebrou o enlace matrimonial do Príncipe William, herdeiro do trono do Reino Unido, com a plebeia Kate Middleton. Mas o que a Disney tem a ver com isso? Simples! A Disney Britânica, aproveitando-se da ocasião, decidiu relançar em Home Vídeo o Clássico “Cinderela” em uma edição requentada em DVD, de um único disco, intitulada “Edição Real”, ignorando dessa forma a rígida política de moratória seguida pelo estúdio em relação à suas grandes produções. Além disso, outros filmes como “Branca de Neve e os Sete Anões”, “A Bela e a Fera”“A Princesa e o Sapo” foram igualmente relançados em Edições De Casamento Real em Blu-ray, que nada mais eram do que as antigas edições em alta definição desses longas, só que acompanhadas de novas luvas (sobrecapas) especiais.

 

 

E no embalo do lançamento de “Piratas no Caribe: Navegando em Águas Misteriosas”, a Disney Brasil decidiu lançar de última hora a trilogia “Piratas do Caribe” em Blu-ray, em um Box especial apresentando os três primeiros filmes da franquia, cada qual acomodado em um estojo independente e sem a presença de discos extras, ao contrário da respectiva edição norte-americana.

 

 

No final de Abril, a temida moratória Disney atacou novamente! Os “alvos” desta vez foram os Clássicos “Branca de Neve e os Sete Anões”, “Pinóquio” e, para a surpresa de muitos, “Fantasia & Fantasia 2000″ – estes últimos relançados em DVD e em Blu-ray apenas cinco meses atrás. Com isso, todas as edições em Home Vídeo dos quatro filmes começaram a sair de circulação e eles só serão disponibilizados novamente no mercado apenas daqui a cinco ou até dez anos (para o azar de quem não conseguiu adquiri-los a tempo).

 

 

Para finalizar, em 29 de Abril, estreou nos cinemas norte-americanos o novo longa “teen” da Disney, “A Melhor Festa do Ano” (“Prom”), que por sua vez não teve uma recepção muito calorosa, faturando apenas $10.1 milhões de dólares e conseguindo 33% de aprovação no site Rotten Tomatoes. Por aqui, o filme foi adiado para o dia 08 de Julho mas acabou sendo lançado diretamente em Home Vídeo em Setembro.

“O Disney Junior conserva a lembrança da experiência Disney, adorada por gerações de pais e filhos, além de incorporar elementos que incentivam o aprendizado da primeira infância por meio da narração de histórias mágicas com um forte apelo emocional. ”  -  declaração da gerente geral dos canais Disney na América Latina, Cecilia Mendonça, em ocasião do lançamento do canal Disney Júnior no Brasil e em toda a América Latina.

 

Impossível não se lembrar de certas pegadinhas, não?…

 

 

Coleção “O Cão e a Raposa” em Blu-ray:

“Cinderela” – Edição Real:

 

 

 


Maio começou com a notícia de que “King of the Elves”, projeto de animação tido como arquivado pela Disney, teria sido retomado pelo estúdio e estaria em direção a um rumo certo para a sua estreia definitiva nos cinemas. O filme atualmente conta com Chris Williams como diretor, John LasseterChuck Williams como produtores e Michael Markowitz para a revisão e versão final do script.

Em 11 de Maio, o Clássico Pixar, “Os Incríveis” (“The Incredibles”), foi lançado em alta definição no Brasil, onde, para o desânimo dos fãs e colecionadores, recebeu uma edição simples, sem o disco de bônus especiais norte-americano, isenta de luvas (sobrecapas) dentre outros itens, embora tenha tido um acabamento satisfatório, com artes internas e boa impressão nos discos (tal como “Enrolados”). Além disso, como muitos já suspeitavam, o filme foi disponibilizado apenas em sua versão redublada, devido aos problemas jurídicos com os dubladores originais. Um fato curioso acerca do lançamento é que o Brasil não foi o único a receber uma edição simples de “Os Incríveis”! Países como França e Hong-Kong também não contaram com os discos de extras especiais! Pela primeira vez, não estávamos sozinhos nessa.

 

Unboxing da edição nacional em Blu-ray de “Os Incríveis” :

Vídeo feito por Bruno Cabral do BJC

 

E para dar fim de vez aos boatos, a Pixar Animation Studios finalmente divulgou a sinopse oficial de “Monsters University” (em tradução livre, “Universidade dos Monstros”), “prequência” do Clássico “Monstros S.A.”. Segundo o estúdio, o filme voltará aos tempos de faculdade de Mike WazowskiJames P. Sullivan, quando os dois se tornaram amigos inseparáveis após superarem suas grandes diferenças. O longa será dirigido pelo iniciante Dan Scanlon.


 

Após uma intensa campanha de divulgação e muita expectativa, em 20 de Maio, chegava aos cinemas nacionais o mais novo título de uma das franquias cinematográficas de maior sucesso dos últimos tempos: “Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas” (“Pirates of the Caribbean: On Stranger Tides”)! E, tal como os filmes anteriores, o longa não fez feio nas bilheterias! Já em seu primeiro final de semana de exibição“Navegando em Águas Misteriosas” arrecadou um total de $346.4 milhões de dólares – $90.1 milhões dos EUA e $256.3 milhões de outros países – tornando-se na época a 4ª maior abertura global da história do cinema (atrás de “Harry Potter e o Enigma do Príncipe”“Homem Aranha 3″“Piratas do Caribe: O Fim do Mundo”)! O filme faturou um total de $1.043 bilhões de dólares mundiais ($241 milhões norte-americanos e $802.8 milhões internacionais), entrando dessa forma para o top das 10 maiores arrecadações da história (em valores não inflacionados)!

 

 

Contudo, se Jack Sparrow ainda estava em alta entre o grande público, o mesmo não se pôde dizer em relação aos críticos. “Navegando em Águas Misteriosas” obteve apenas 33% de aprovação no portal Rotten Tomatoes, o menor índice de avaliações positivas em toda a história da série (por curiosidade, “A Maldição do Pérola Negra” obteve 78% , “O Baú da Morte” 54% e “O Fim do Mundo” 45%).

 

 

“Chipanzé”:

“Verde de Inveja”:

Espere um pouco! Tem Muppets nesse filme?

“Os Muppets” – Trailer-paródia de “Se Beber Não Case: Parte II”

“O Rei Leão” – 3D

“Nants ingonyama bagithy baba…”

 


 


Em 08 de Junho, finalmente os fãs e colecionadores brasileiros puderam receber as edições em Home Vídeo de “Tron: O Legado” mais o filme original de 1982, “Tron: Uma Odisseia Eletrônica” (“Tron”)! Em relação a “Tron: O Legado” foram disponibilizadas edições em DVD simples, Blu-ray simples e em Blu-ray 3D simples (a mesma configuração de lançamento de “Enrolados”), sendo que a capa do Blu-ray “convencional” foi escolhida pelo grande público em uma votação inédita realizada na rede social Facebook“Uma Odisseia Eletrônica”, que até então nunca esteve disponível para compra direta no país, foi agraciada apenas com um Blu-ray e um DVD simples.

 

 

Já em 24 de Junho, enfim foi lançado nos cinemas a nova animação da Pixar Animation Studios“Carros 2″ (“Cars 2″), continuação do renomado longa de 2006, “Carros” (“Cars”). Embora tenha sido auxiliado por uma grande campanha de divulgação, com direito a vários vídeos, posters vintage, apresentação de novos corredores e até uma turnê com réplicas reais de algumas personagens, o filme acabou desapontando grande parte da crítica… e do próprio público! “Carros 2″ obteve apenas 38% de aprovação no site Rotten Tomatoes, sendo considerado a primeira “ovelha negra” da Pixar após tantos anos de lançamentos deveras aclamados pelos críticos.

 

 

Mas o pior da história é que grande parte dos próprios fãs do estúdio se decepcionaram com o longa. Muitos na época alegavam que a Pixar teria produzido o filme pensando apenas nos grandes lucros gerados anualmente pela marca “Carros”, acusação esta que era geralmente feita a outros estúdios de animação mas nunca à casa de Luxo Jr. E pelo visto, o retorno nas bilheterias refletiu tamanha desilusão. Apesar de ter tido uma ótima abertura nos EUA, faturando $68 milhões em seu primeiro final de semana em cartaz, o desempenho de “Carros 2″ entre os números foi caindo aos poucos e no final das contas o longa acabou se tornando a menor renda doméstica da Pixar desde “Vida de Inseto” de 1998 ($162.7 milhões), arrecadando um total de $191.4 milhões norte-americanos. Já os lucros internacionais foram bem mais favoráveis: $360.4 milhões ao redor do mundo. Ao todo, foram obtidos cerca de $551.8 milhões de dólares mundiais, números bastante generosos embora não conseguissem cobrir o altíssimo orçamento de $200 milhões do filme (sem dúvidas, um dos projetos mais caros do estúdio).

Ao mesmo tempo em que a Pixar decepcionava alguns de seus admiradores com “Carros 2″, ela encantava vários outros com seu novo curta-metragem “La Luna”, dirigido por Enrico Casarosa e exibido no Festival Internacional de Animação Annecy em meados de Junho. O pequeno filme será igualmente lançado nos cinemas em 2012, em companhia do novo longa do estúdio, “Valente”, cuja divulgação oficial também teve início na mesma época.

 

 

Para finalizar, Junho também foi o mês do anúncio oficial do próximo filme de animação da Walt Disney Pictures“Wreck-It Ralph” (no Brasil, “Detona Ralph”). O projeto é dirigido pelo diretor Rich Moore e já conta em seu elenco de dublagem com os atores John C. Reilly, Vanellope von Schweetz, Jane Lynch e Jack McBrayer. A trama por sua vez gira em torno de um vilão de jogos fliperama que decide mostrar a todos o quanto é uma pessoa de bom coração (maiores detalhes sobre a história e o elenco do filme, clique aqui!).

 

 

“Phineas & Ferb: Através da 2ª Dimensão“:

Trecho de “La Luna”:

Planes”:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=QmLYLDnsUMk

“Os Muppets” – Trailer-paródia de “Lanterna Verde”:

“Os Muppets” – Primeiro trailer “original” do filme:

“Valente” - Teaser Trailer

 

 

 


Depois de “Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas”“Carros 2″, em Julho foi a vez de “Winnie the Pooh” estrear nos cinemas (por incrível que pareça, o longa permaneceu com seu título original em inglês por aqui.). A nova animação tradicional da Walt Disney Pictures entrou em cartaz no Brasil no dia 08 de Julho e enfim foi lançada nos EUA em 15 de Julho. As críticas no geral foram bastante positivas (91% de aprovação no portal Rotten Tomatoes), mas, infelizmente, a recepção do público já não foi tão calorosa. Para se ter uma vaga ideia, em seu primeiro final de semana de exibição nos cinemas brasileiros“Winnie the Pooh” ficou em 10º lugar no ranking das bilheterias, arrecadando apenas R$161 mil reais. Já em território norte-americano, a situação foi um pouco mais favorável: uma abertura de $7.85 milhões de dólares e o 6º lugar no top 10 das arrecadações locais. Ao todo foram faturados modestos $33.1 milhões de dólares mundiais ($26.6 milhões dos EUA e $6.4 milhões internacionais). Tal desempenho pode ser justificado pela não tão intensa campanha de divulgação do filme mais a forte concorrência de outros lançamentos de peso da temporada, tais como “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2″ e o próprio “Carros 2″ da Pixar.

 

 

Em 13 de Julho foi lançado em Home Vídeo no Brasil o spin off da série “High School Musical” estrelado pela personagem Sharpay (Ashley Tidale), “A Fabulosa Aventura de Sharpay” (“Sharpay’s Fabulous Adventure”), que por aqui foi lançado apenas em uma edição simples em Disney DVD, o que deve ter desapontado alguns fãs do filme e/ou da atriz que certamente também estavam esperando por uma edição em Blu-ray.

Já os admiradores da célebre Linha Disney Nature tiveram grandes motivos para comemorar! Em meados de Julho, foi anunciado o retorno da distribuição da série pelas mãos da Disney Brasil, após tantos meses de lançamentos irregulares dos documentários por aqui!

 

 

E para finalizar com chave de ouro, o novo curta-metragem da Pixar Animation Studios“La Luna” foi apresentado no renomado festival de animação Anima Mundi, por sua vez celebrado no Brasil nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. O pequeno filme foi exibido em companhia de vários outros curtas do estúdio em comemoração aos 25 anos da Pixar.

 

“Histórias Cruzadas”:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=zp9Fzo7Ah7E

Cavalo de Guerra“:

“John Carter”:

“Reino dos Felinos”:

 

 

 


Chegamos a Agosto! Mês de grandes eventos, anúncios e lançamentos!

Começamos pelo Clássico “O Cão e a Raposa”, que em 09 de Agosto foi lançado nos EUA em uma edição especial em Blu-ray contendo o filme original mais a continuação “O Cão e a Raposa 2″, com ambos os longas reunidos em um único disco. Apesar de não ter recebido uma restauração à altura das vistas em “A Bela Adormecida”“Bambi” entre outras produções mais antigas, o filme foi agraciado com uma nova qualidade de imagem e som bastante superior à terrível definição do último DVD de 2006, sendo que esta foi a primeira vez que “O Cão e a Raposa” foi disponibilizado no formato Widescreen 1.66:1. Contudo, até hoje a Disney Brasil ainda não se pronunciou a respeito de um possível lançamento em HD do Clássico por aqui, para o descontentamento de todos os fãs que cresceram assistindo à emocionante história de Toby e Dodó.

 

 

E entre 19 e 21 de Agosto, foi celebrada a  D23 Expo, um dos maiores eventos anuais realizados pela Walt Disney Pictures. A D23 desse ano contou com inúmeros painéis, conferências, exposições, entrevistas, apresentações musicais, homenagens aos 25 anos da Pixar e sessões de apresentação de filmes como “O Rei Leão 3D”,“Os Vingadores”“Frankenweenie”“The Odd Life of Timothy Green”, entre outros. Também foram feitas diversas prévias de futuros lançamentos da Disney e da Pixar tais como “Monsters University”“John Carter”“Frankenweenie” de Tim Burton“Oz, The Great and Powerful”“Planes”“Os Muppets”“Os Vingadores”“Valente”“Wreck-it Ralph”, através da exibição de artes conceituais, objetos e cenas não-finalizadas mais declarações das equipes de produção e dos respectivos elencos. Além disso, foram anunciados novos projetos de animação de ambos os estúdios, como“o filme sem título da Pixar sobre Dinossauros”“o filme sem título da Pixar que leva você para dentro da mente humana”, os novos curtas-metragem de “Toy Story” “Enrolados” “Tron 3″! Em síntese, um evento deveras empolgante e que de fato prendeu a atenção de todos os grandes Disney Maníacos neste mundo afora.

 

 

Em 21 de Agosto, às 20 horas para ser exato, estreou no canal Disney Channel Brasil o longa-metragem “Phineas & Ferb: Através da 2ª Dimensão”, o primeiro filme baseado na série animada de sucesso mundial, “Phineas & Ferb”, exibida no canal desde 2007. E a audiência não poderia ter sido melhor! O longa atraiu o interesse de nada menos que 7,8 milhões de telespectadores em todo o mundo! O sucesso foi tão grande que a Disney enfim anunciou para 2013 a vinda de um novo filme estrelado pelos geniais irmãos mas que desta vez será lançado diretamente nos cinemas!

 

 

E chegou o grande dia! Depois de tantos meses repletos de muita espera, expectativa e divulgação, finalmente o Rei regressou! Em 26 de Agosto, o famoso grito de Lebo M ecoava nos melhores cinemas do país anunciando a chegada de “O Rei Leão” em Disney Digital 3D!

 

Trailer dublado de “O Rei Leão 3D” nos cinemas:

 

Sem dúvidas, tal relançamento foi um enorme presente para todos os grandes admiradores do Clássico: desde aqueles que puderam prestigiá-lo em seu lançamento original nas telonas até os que cresceram assistindo-o exaustivamente através do VHS da Abril Vídeo. E uma oportunidade dessas não poderia ser jogada fora! Foram muitos os que viajaram em direção às cidades mais distantes apenas para assistir o seu tão amado “O Rei Leão” nos cinemas! Também não foram poucos os fãs que passaram por mais de duas sessões do filme, fossem elas seguidas ou não, e ainda tiraram fotos dos ingressos e os guardaram em sua coleção particular como verdadeiras relíquias sagradas!

 

 

Embora muitos achassem que os efeitos tridimensionais assim como a potência do som devessem um pouco, em um consenso geral, a conversão em 3D do Clássico foi muito bem recebida pelo grande público, por proporcionar de fato uma experiência única em relação ao longa e que certamente jamais será esquecida por todos aqueles cuja infância foi marcada por canções como “Hakuna Matata” ou “O Que Eu Quero Mais É Ser Rei” e personagens como Simba, Timão, Pumba, Scar, Nala entre tantos outros. Em síntese, como diria o nosso grande colaborador Felipe Andrade em sua CNC do filme:

“Por mais que [o som] não estivesse inteiramente potente, ver O Ciclo Sem Fim em um cinema foi algo de arrepiar.”.

E se quiser saber mais sobre o processo de conversão do Clássico para a Terceira Dimensão, clique aqui!

 

 

Quanto aos números, “O Rei Leão” – 3D foi um sucesso moderado por aqui, estreando em 6º lugar no ranking das bilheterias nacionais com R$760 mil reais faturados em seu primeiro final de semana em cartaz. Tal desempenho deveu-se às poucas salas que exibiram o filme no país somado a outros eventuais atrasos (motivo pelo qual certas redes disponibilizaram o longa por mais algum tempo após concluído o prazo original de exibição). De acordo com o portal Box Office Mojo, o Brasil contribuiu ao todo com $1.902 milhões de dólares para os lucros internacionais obtidos pelo relançamento.

Em 26 de Agosto, algumas telonas nacionais também receberam o documentário “Reino dos Felinos” (“African Cats”), o primeiro título da Linha Disney Nature lançado pela Disney Brasil após esta ter decidido voltar a distribuir os títulos da série no mês anterior. Entretanto, o filme esteve disponível apenas nas salas da Rede Cinemark, de modo que nem todos puderam conferi-lo nos cinemas (sim, estava bom demais para ser verdade…).

 

 

E no final de Agosto, foi enfim confirmado o segundo Clássico Disney a ser lançado em uma Edição Diamante em 2012: “Cinderela” (“Cinderella”), uma das mais belas, encantadoras e populares animações já produzidas pela Walt Disney Pictures e cujo lançamento em alta definição certamente foi bastante celebrado por todos os grandes admiradores do filme (mesmo que, com certeza, o longa receba uma edição simples, sem maiores tratamentos especiais.).

 

 

 

“The Odd life of Timothy Green”

“A Dama e o Vagabundo” – Ed. Diamante (trailer francês):

http://www.youtube.com/watch?v=qIoD8OS13s8&feature=player_embedded

“Cinderela” – Ed. Diamante (trailer francês):

http://www.youtube.com/watch?v=RihoK9gbsTI&feature=player_embedded

Réplica em tamanho real da casa de Carl Fredericksen de “Up – Altas Aventuras!”:

Ok! Não é um trailer, mas que ficou boa ficou!

 

 

 


Setembro já começou com uma grande surpresa para alguns Disney Maníacos norte-americanos: praticamente do nada, a Disney decidiu lançar a versão em 3D do Clássico “A Bela e a Fera” em sua sala de exibição El Capitan Theater de Hollywood! O filme entrou em cartaz no dia 02 de Setembro e esteve disponível durante duas semanas, com quatro sessões diárias. O relançamento também contou com diversas regalias dirigidas aos fãs mais devotos tais como cafés-da-manhã especiais, venda de produtos licenciados e até uma introdução feita pela própria Bela “em pessoa”.

 

 

Em meados de Setembro, outra notícia chamou a atenção de todos: “The Lone Ranger”, adaptação em live-action da série homônima de rádio e TV, havia sido cancelado! O motivo? Seu altíssimo orçamento, que, segundo as línguas, estava beirando aos $250 milhões de dólares (alguns apontam até $275 milhões!), por conta das grandes sequências de ação e outras personagens míticas presentes no roteiro original do filme, as quais por sua vez exigiam efeitos e criações digitais bastante ousados e e de custo muito elevado. E a Disney não estava nem um pouco disposta a investir tantos milhões em um “simples” longa de faroeste, sem falar do desenvolvimento simultâneo de outros projetos igualmente caros, como “John Carter” e “Oz: The Great and Powerful”.

 

 

Entretanto, na mesma época, foi noticiado que o estúdio havia dado mais uma chance ao diretor Gore Verbinski e ao produtor Jerry Bruckheimer, para que ambos pudessem reduzir o orçamento de “The Lone Ranger” aos limites estabelecidos pela Disney. Após alguns ajustes no script, os cineastas de fato conseguiram diminuir o custo de produção para $215 milhões e agora o filme se encontra novamente em desenvolvimento, com suas filmagens agendadas para o início do ano que vem. O longa também já conta em seu elenco com os atores Armie HammerJohnny Depp, entre outros grandes profissionais.

E em 16 de Setembro foi a vez dos EUA receber a versão tridimensional do inestimável e precioso “O Rei Leão”! E a recepção não poderia ter sido mais surpreendente! O Clássico liderou as bilheterias norte-americanas em seu primeiro final de semana de exibição, faturando $30.1 milhões de dólares, quantia esta deveras superior às expectativas geradas pela própria Disney (o estúdio esperava um retorno de apenas $13 milhões). Além disso, o público local também parece ter recebido muito bem a conversão para o 3D, já que 92% dos expectadores optaram por ver o filme em Terceira Dimensão (nos EUA, foram igualmente disponibilizadas cópias em 2D tradicional).

 

Trailer legendado de “O Rei Leão 3D” nos cinemas:

 

Mas tal desempenho fora apenas o começo! “O Rei Leão” – 3D novamente liderou o ranking das bilheterias norte-americanas em seu segundo final de semana em cartaz, arrecadando $22.13 milhões e superando lançamentos como “Moneyball” (Sony/Columbia) e “Winter, O Golfinho” (Warner Bros.). O sucesso foi tão grande, e inesperado, que a Disney decidiu prolongar o prazo de exibição do filme, fazendo com que ele ficasse disponível nos cinemas por mais de três semanas (o plano original era apenas duas).

 

 

Ao todo foram obtidos cerca de $161.2 milhões de dólares mundiais - $94.1 milhões dos EUA e $67.1 milhões internacionais – , uma quantia formidável visto que relançamentos desse tipo, geralmente, não costumam conseguir tamanhos resultados. E melhor: somando as arrecadações do lançamento original de 1994 mais os relançamentos de 2002 e 2011, “O Rei Leão” já faturou em seu histórico de exibição nada menos que $945.566.382 milhões de dólares, tornando-se desse modo uma das 10 maiores bilheterias da história e a 2ª animação mais lucrativa de todos os tempos (em valores não inflacionados)!

Você tem que voltar para a ideia do ciclo da vida. Adolescentes que viram o filme há quase duas décadas tornaram-se pais que levaram seus filhos para ver a animação. Pais que viram naquela época hoje levam os netos para ver o “O Rei Leão 3D”. Essa é uma oportunidade de rever o filme de um jeito diferente”  -  Dave Hollies

 

Mas o melhor ainda estava por vir! Em 28 de Setembro, chegava às lojas nacionais a Edição Diamante de “O Rei Leão”! E pelo visto, a Disney Brasil se desculpou pelo tratamento dado a “Bambi” meses atrás, ao agraciar os fãs e colecionadores brasileiros com edições bastante caprichadas, dotadas de belíssimas luvas (sobrecapas) de efeitos metalizados, foscos e de alto-relevo, artes internas e excelente impressão dos discos. Além disso, “O Rei Leão” – Ed. Diamante foi o primeiro lançamento nacional em Home Vídeo da empresa a possuir uma Cópia Digital do filme, sendo que a edição também marcou o retorno definitivo da Disney Brasil aos combos especiais!

 

Unboxing do Combo “Blu-ray + DVD + Cópia Digital” da Edição Diamante de “O Rei Leão”

Vídeo feito por Bruno Cabral do BJC

 

Em relação aos quesitos técnicos, a Disney novamente presenteou os fãs mais devotos com uma esplêndida restauração em HD do Clássico, ao apresentar uma qualidade de imagem e som nunca antes vista e, é claro, à altura da majestade do longa! O único ponto negativo foi o material bônus escasso e limitado pela presença de apenas um único disco. Na verdade, vários extras da Edição Platinum de 2003 estiveram disponíveis no Blu-ray, mas apenas via BD-Live, recurso este que nem todos os consumidores possuem em seu alcance.

 

Unboxing do Combo “Blu-ray 3D + Blu-ray + DVD + Cópia Digital” da Edição Diamante de “O Rei Leão”

Vídeo feito por Rafael Marcelino

 

“O Rei Leão” – Ed.Diamante também foi o primeiro título em Home Vídeo a utilizar-se da nova configuração de lançamento adotada pela Disney Brasil, que consiste em combos especiais contendo o filme em todos os formatos disponíveis (incluindo o Blu-ray 3D) mais edições avulsas apresentando o longa apenas em sua respectiva mídia. Tal planejamento foi igualmente aplicado às continuações “O Rei Leão 2: O Reino de Simba” “O Rei Leão 3: Hakuna Matata”, que por sinal chegaram às lojas no mesmo dia 26. Com a trilogia lançada posteriormente, o Clássico recebeu por aqui nada mais nada menos que 12 edições!

 

 

No mesmo período, os fãs norte-americanos recebiam a Edição de 70º Aniversário de “Dumbo”, que finalmente deu as caras nas prateleiras dos EUA em 20 de Setembro, após quase dois anos de atraso (embora compensados com extras exclusivos nas edições em Blu-ray e em DVD)! O rei das savanas em alta definição chegou ao país apenas no início de Outubro e foi um verdadeiro recorde de vendas, com 1 milhão e 500 mil unidades adquiridas já na primeira semana de lançamento! Definitivamente, 2011 foi o Ano do Rei!

 

 

“Os Sapos que não amavam as Porcas”

 

 

 


Outubro começou com nada menos que a coroação oficial de Rapunzel como a mais nova Princesa Disney, celebração esta festejada com toda a pompa e circunstância no Palácio de Kensington, em Londres. O evento contou com a participação das demais princesas pertencentes à corte do estúdio, tais como Cinderela, ArielJasmimMulan entre muitas outras. Além disso, também estiveram presentes várias convidadas-mirins que não poderiam perder tal ocasião por nada desse mundo! Maiores detalhes sobre a festa você confere aqui!

 

 

Este também foi um mês de grandes surpresas para todos os grandes Disney Maníacos!

Certamente influenciada pelo desempenho mais do que satisfatório de “O Rei Leão” – 3D nos cinemas, a Disney anunciou o relançamento de vários outros Clássicos do estúdio em Terceira Dimensão, inclusive não só da Walt Disney Pictures mas também da Pixar Animation Studios! Para 2012 e 2013 foram confirmadas as versões tridimensionais dos Clássicos  “A Bela e a Fera” (“Beauty and the Beast”), “Procurando Nemo” (“Finding Nemo”), “A Pequena Sereia” (“The Little Mermaid”) e “Monstros S.A.” (“Monsters, Inc.”). E, assim como em “O Rei Leão”, posteriormente a Disney Brasil comunicou exclusivamente ao Disney Mania as previsões nacionais de cada um desses relançamentos, com “A Bela e a Fera” – 3D prometida para 03 de Fevereiro de 2012“Procurando Nemo” – 3D para 02 de Outubro de 2012“Monstros S.A.” – 3D para 25 de Janeiro de 2013 e, por fim, “A Pequena Sereia – 3D” para 13 de Setembro de 2013 (mais datas de outros filmes você confere aqui!). A reação dos fãs? Nem é preciso dizer….

A propósito, falando em “Procurando Nemo”, na mesma época a Disney finalmente anunciou o lançamento do filme em alta definição para o segundo semestre do ano que vem! A notícia despertou por completo o entusiasmo de todos os grandes admiradores do estúdio de John Lasseter, já que o Clássico era o único longa da Pixar que até então não havia sido lançado em Blu-ray Disc (o que não deixa de ser curioso, visto que “Procurando Nemo” é um dos maiores sucessos da casa de Luxo Jr.).

 

 

Também foi noticiado no início do mês a vinda do Clássico “Pocahontas” em DVD e em Blu-ray, igualmente para 2012. O lançamento foi confirmado através de um encarte na Edição Diamante mexicana de “O Rei Leão” e já é esperado com bastante expectativa por parte dos fãs e colecionadores, especialmente os brasileiros que nunca receberam a versão estendida do filme assim como uma edição em Home Vídeo de melhor acabamento e conteúdo.

 

 

Os admiradores de James Cameron também foram pegos de surpresa com a notícia de que a Disney, em parceria com a Fox Filmed Entertainment, iria construir um parque temático baseado no mundo de Pandora, o planeta visto em “Avatar”, em Orlando. A atração, descrita como “um paraíso ecológico, repleto de selva, fauna e flora”, deverá ser construída a partir de 2013 e será inaugurada em 2014. Segundo o renomado cineasta: “Graças à parceria com a Disney, vamos poder dar vida à Pandora como nunca antes. Estamos preparando os dois próximos filmes da saga Avatar e com eles, teremos ainda mais cenários, personagens e histórias como base para as atrações do parque.”

Em 21 de Outubro, a Disney Legend Mary Blair foi homenageada em um doodle especial feito pelo portal Google, por conta do 100º aniversário que seria celebrado pela artista plástica caso ela ainda estivesse viva. E para a felicidade geral de todos, o animador Andreas Deja enfim confirmou a retomada da produção de “Snow Queen” (“A Rainha da Neve”), longa-metragem baseado no conto de fadas homônimo de Hans Christian Andersen e cujo desenvolvimento havia sido interrompido diversas vezes ao longo desta última década.

A partir de 21 de Outubro, o El Capitan Theater de Hollywood, em comemoração ao dia de Halloween, disponibilizou o Clássico “O Estranho Mundo de Jack” (“The Nightmare Before Christmas”) em uma versão especial em 4D, permitindo ao público sentir (literalmente) os ventos gélidos, a neve e a névoa presente em determinadas cenas do filme.

Em 23 de Outubro estreava no canal ABC da Disney “Once Upon a Time”, seriado cuja trama consiste basicamente na interação entre o mundo dos contos de fada com o mundo real, onde personagens como Branca de Neve, o Príncipe Encantado e Chapeuzinho Vermelho acabam sendo inseridos na atual sociedade onde vivemos. A série acabou se tornando um dos maiores sucessos do Fall Season deste ano, a ponto da audiência dos dois primeiros episódios exibidos já garantir uma primeira temporada completa de 22 episódios.

 

 

E por fim, em 25 de Outubro“Winnie the Pooh” chegava às prateleiras norte-americanas em suas edições em DVD e em Blu-ray! Esta última inclusive, além de apresentar o filme em altíssima definição, também trouxe consigo o curta-metragem “A História de Nessie”, exibido nos cinemas em companhia do longa, mais uma série de pequenas animações clássicas do ursinho guloso, todas remasterizadas e redubladas. Já os brasileiros não tiveram tanta sorte: “Winnie the Pooh” foi lançado por aqui apenas em uma edição simples em DVD.

 

 

“Steve Jobs foi um extraordinário visionário, nosso grande e muito querido amigo, e o guia que iluminou a família Pixar. Ele enxergou o potencial do que a Pixar poderia ser antes de todos nós, e além do que qualquer um jamais imaginou. Steve apostou em nós e acreditou em nosso sonho louco de fazer filmes animados por computação; a única coisa que ele sempre disse foi simplesmente ‘faça maravilhoso’. Ele é o motivo pelo qual a Pixar se tornou o que é, e sua força, integridade e amor pela vida nos tornaram pessoas melhores. Ele permanecerá para sempre no DNA da Pixar. Nosso coração se volta para sua esposa Laurene e seus filhos durante este momento incrivelmente difícil.”  -  homenagem feita por John LasseterEd Catmull em ocasião do falecimento de Steve Jobs, um dos principais responsáveis pela fundação da Pixar Animation Studios e da Apple Inc., dentre outros grandes méritos. Descanse em paz.

 

 

 

“Procurando Nemo” - Lançamento em Blu-ray Disc:

“A Bela e a Fera” – 3D:

“Tale as old as time….”

“Os Vingadores”:

http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=jEoh8Hd5hzY

Legendas: @Touroman@RodrigoTucano

“Os Muppets” – Segundo Trailer Oficial:

“Os Muppets” – Trailer paródia dos trailers paródia:

 

 

 


O penúltimo mês do ano já começou com grandes homenagens! John Lasseter, atual diretor criativo da Pixar Animation Studios e da Walt Disney Pictures, recebeu em 1º de Novembro a sua tão merecida estrela na Calçada da Fama em Hollywood. O evento contou com a presença de vários familiares e amigos, como o ator Owen Wilson, dublador original de Relâmpago McQueen em “Carros”. Lasseter também protagonizou um especial de cinco partes feito pela Disney, o qual nos mostra um pouco da rotina diária do cineasta na casa de Luxo Jr.

 

 

E das estrelas vamos aos lançamentos em Home Vídeo! Começamos pelo anúncio das futuras edições em Blu-ray de “O Diário da Princesa” (“The Princess Diaries”) em companhia da continuação “O Diário da Princesa 2: O Casamento Real” (“The Princess Diaries 2: Royal Engagement”). Ambos os filmes chegarão às lojas em meados de 2012, provavelmente em companhia da Semana Nacional das Princesas nos EUA, evento criado pela The Walt Disney Company em colaboração com a varejista Target que terá início a partir do dia 22 de Abril de 2012.

No dia 08 de Novembro, foram lançadas nos EUA as edições em Blu-ray 3D dos filmes “O Galinho Chicken Little”, “A Família do Futuro”,“Bolt: Supercão” e “Força G” . Dos quatro títulos, apenas “A Família do Futuro” deu as caras por aqui e ainda por cima em um lançamento muito simples, sem maiores requintes. Novembro foi igualmente o mês das versões em HD das “sequências” de “A Bela e a Fera”: “O Natal Encantado da Bela e a Fera” e “O Mundo Mágico de Bela” – ambos lançados em Blu-ray nos EUA e apenas em DVD no Brasil.

Em 09 de Novembro, os fãs e colecionadores brasileiros receberam as edições nacionais em Home Vídeo de “Carros 2″. O filme adotou a mesma configuração de lançamento presente em “O Rei Leão” – Ed. Diamante, com edições avulsas em DVD, Blu-ray e em Blu-ray 3D e combos especiais reunindo o filme em todos os formatos disponíveis (incluindo as Cópias Digitais). Felizmente, a Disney Brasil manteve o satisfatório acabamento visto nos últimos meses, com destaque para o Combo 3D, por sua vez agraciado com uma bela luva (sobrecapa) prateada, artes internas e encartes. Também não podemos nos esquecer da “Coleção Carros”, edição especial em Blu-ray contendo os dois filmes da franquia “Carros” mais os curtas da série “Cars Toon: As Grandes Histórias do Mate”.


Novembro também foi um mês de inquietantes rumores! Alguns portais e fóruns da internet começaram a anunciar não só um mas quatro Clássicos Disney em alta definição para o ano que vem! De acordo com um site alemão, no 2º semestre de 2012 seria lançada a edição em Blu-ray do Clássico “101 Dálmatas” (“101 Dalmatians”), o que significaria a retirada do filme da Coleção Diamante (o que de fato é algo instigante, visto que não haveria motivos muito claros para tal decisão)! Segundo outros boatos, “Tarzan” e “Aladdin” também receberiam suas edições em alta definição no primeiro e segundo semestre do ano que vem, respectivamente, sendo que a Disney França anunciou para Setembro de 2012 o Clássico “Aristogatas” (“The Aristocats”) em Blu-ray. Contudo nada foi confirmado até agora pela matriz oficial da Disney, que a qualquer momento pode desmentir esses rumores… ou não.

Em 20 de Novembro estreou no Disney Channel dos EUA o desenho “Pixie Hollow Games”, o novo curta-metragem de 22 minutos da franquia Disney Fadas, que teve como diretor e roteirista Bradley Raymond. E pelo visto, o público parece ter se divertido bastante com as desventuras da fada Rosetta em meio a um campeonato esportivo, já que o pequeno filme logo se tornou a animação nº1 da semana na TV paga. O curta foi exibido no Brasil mais à frente, em Dezembro.

 

 

Para finalizar, no final de Novembro a The Walt Disney Company fechou um acordo com a maior rede de vídeos da internet, o You Tube. Com esta união, o site será responsável pela apresentação direta de uma série de novos vídeos voltados para toda a família a serem produzidos pela própria Disney. Essa parceria também permitirá que vários filmes, incluindo alguns Clássicos, do estúdio sejam disponibilizados para locação na plataforma de vídeo oficial do Google, sendo que o You Tube ajudará a promover o novo site oficial da Disney, que será reformulado e relançado ano que vem.

 

 

“Valente” – Primeiro Trailer Oficial:

“A Bela e a Fera” – 3D:  Segundo Trailer Oficial:

“Tinker Bell: O Mistério das Asas”

“Realidade Aumentada”:

Ok! Novamente não é um trailer… Mas ficou muito legal!

 

 

 


Após vários posterstrailersvídeosentrevistas, participações em eventos musicaisprogramas de TV e até hilárias paródias de outros lançamentos cinematográficos, em 02 de Dezembro, os melhores cinemas do país foram tomados por uma numerosa trupe de irreverentes fantoches. Era a invasão dos Muppets!

 

 

Até agora, o filme tem sido muito bem recebido por parte tanto dos fãs mais saudosos que viam o “The Muppet Show” quando crianças tanto por aqueles que nunca haviam visto o programa mas que simpatizaram-se bastante com o grupo a partir da campanha de divulgação do longa. A propósito, “Os Muppets”, assim como “Winnie the Pooh”, também foi vítima de uma “americanização” dos nomes clássicos em português, quando o célebre personagem aqui conhecido como Caco, o Sapo teve seu nome alterado pela Disney Brasil para Kermit, o Sapo, o original em inglês. E é claro que os admiradores de longa data dos Muppets não gostaram nem um pouco dessa mudança, embora o próprio sapo em pessoa tenha dado uma explicação definitiva sobre a confusão com o nome Caco.

 

 

“Os Muppets” também obteve uma ótima aceitação por parte da crítica, conseguindo nada menos que 97% de aprovação no portal Rotten Tomatoes, o que o torna o lançamento Disney mais bem avaliado pelos críticos nesse ano. Em relação aos números, o longa estreou em 2º lugar nos EUA, faturando cerca de $43.6 milhões em seus primeiros cinco dias de exibição. Já no Brasil, “Os Muppets” fechou o seu primeiro final de semana em cartaz em 4º lugar, arrecadando R$1.317 milhões de reais. Ao todo, foram obtidos até agora $86.8 milhões de dólares mundiais – $79.8 milhões norte-americanos e $7 milhões internacionais – , uma quantia satisfatória, embora esteja um pouco distante dos lucros necessários para cobrir o orçamento de $45 milhões, ressaltando que o filme ainda não estreou em todo o seu circuito internacional.

05 de Dezembro foi dia de estreia do novo especial natalino da série “Prep & Landing”Naughty vs. Nice (em tradução livre: “Malcriados vs. Educados”). A animação é dirigida por Kevin DetersStevie Wermers-Skelton e foi exibida no canal ABC nos EUA (e também estreou recentemente no Disney Channel Brasil).

 

 

Em 07 de Dezembro, chegava às lojas nacionais as edições em Home Vídeo de “Piratas do Caribe: Navegando em Águas Misteriosas”. E dentre as várias edições avulsas e combos especiais, a Disney Brasil decidiu lançar um Box contendo os quatro filmes da franquia em alta definição, sendo que a Rede Saraiva também disponibilizou uma edição exclusiva reunindo todos os longas mais o Blu-ray 3D e o Blu-ray de extras de “Navegando em Águas Misteriosas” e um Blu-ray bônus inédito da trilogia original (fotos das duas edições mais o Superset 3D, você confere aqui!). Ambos os lançamentos receberam um acabamento satisfatório, mesmo que todos os discos estivessem agrupados em um único estojo, tal como a trilogia “O Rei Leão” e a “Coleção Carros”.

 

 

No mesmo dia 07 de Dezembro, foram igualmente disponibilizados por aqui os três filmes da franquia “Toy Story” em Blu-ray 3D. Entretanto, ao contrário de “Piratas do Caribe” e “Carros 2″, a Disney Brasil desta vez optou por edições simples e avulsas, sem maiores regalias.

Em meados de Dezembro foram revelados os concorrentes ao Annie Awards 2012, e no meio da lista de indicações lá estavam os filmes “Carros 2″ “Winnie the Pooh” mais os curtas “La Luna” e “A História de Nessie” e os especiais “Prep & Landing: Naughty vs. Nice” e “Pixie Hollow Games” (clique aqui para ver todos os prêmios disputados).

 

 

Na 54ª edição do Grammy Awards, a ser celebrada em 2012, também foram indicados os longas “Enrolados” (“Melhor Trilha Sonora para Mídia Visual” “Melhor Música para Mídia Visual” por “I See the Light”),“Tron: O Legado” (“Melhor Trilha Sonora Instrumental para Mídia Visual”“Melhor Música Não Clássica Remixada” para “End of Line” (Photek Remix)) e “Winnie the Pooh” (“Melhor Música para Mídia Visual” por “So Long”). Maiores detalhes da premiação você confere aqui!

 

 

E na 69ª edição do Golden Globe Awards, surpreendentemente, “Carros 2″ acabou conseguindo a indicação para Melhor Animação, mesmo após o seu fracasso com os críticos. Também foram indicados os filmes “Histórias Cruzadas” (Melhor Filme – DramaMelhor Atriz (Drama) para Viola DavisMelhor Atriz Coadjuvante para Jessica ChastainOctavia SpencerMelhor Canção por “The Living Proof”) e “Cavalo de Guerra” (Melhor Filme – DramaMelhor Trilha Sonora), o primeiro apenas distribuído pela Disney e o segundo produzido pela empresa subsidiária Touchstone Pictures em parceria com a DreamWorks Studios.

 

 

E para fechar com chave de ouro, no final de Dezembro a Disney enfim confirmou o lançamento definitivo de “Snow Queen” nos cinemas! Entretanto, se tal notícia deveria ser motivo de comemoração entre os admiradores do estúdio que esperavam há muito tempo pelo filme, ela ao mesmo tempo desapontou vários desses mesmos fãs devido a único detalhe: assim como no caso “Rapunzel”/”Enrolados”, “Snow Queen” teve seu nome alterado para “Frozen” (em tradução livre, “Congelado”). O longa possui previsão de lançamento para 27 de Novembro de 2013 – a antiga data de estreia do “Filme sem título da PIXAR sobre Dinossauros”, que por sua vez foi adiado para 2014.

 

 

Um dos clássicos atemporais de Walt Disney (e seu favorito pessoal), este conto animado de amadurecimento da vida de uma corça com os olhos arregalados, na floresta, tem encantado gerações desde a sua estréia quase 70 anos atrás. Repleto de personagens e momentos icônicos, o filme apresenta belas imagens, que foram o resultado de estudos de natureza extensiva por animadores da Disney. Seus personagens realistas capturam as qualidades humanas e animais na antiga tradição do folclore e da fábula, aumentando o poder emocional do filme. Estimado como uma das mais comoventes estórias de amor paternal, “Bambi” também deve ser reconhecido pela sua eloquente mensagem de conservação da natureza. – Comunicado oficial da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos ao eleger o Clássico “Bambi” como um dos novos Tesouros Nacionais a serem preservados pela instituição ao lado de várias outras renomadas produções.

 

 

 

“Jon Carter” – Segundo Trailer Oficial:

 

Enfim, chegamos ao término deste ano tão agitado e intenso! Mas se você acha que nosso especial acabou por aqui, está redondamente enganado! Convidamos você agora a relembrar os principais acontecimentos vividos pelo Disney Mania em 2011!

 

“Eu diria para o Jack Sparrow em forma de uma canção pirata criada por mim:  Grande Capitão Jack Sparrow! | Quero ser de sua tripulação, yo ho! Que por grandes mares navegou Até o Pérola Negra comandou, yo ho! | Grande Capitão Jack Sparrow! | Podemos viajar, lutar e beber, yo ho! Deixar Davy Jones no chinelo. E o Barba Negra no flagelo! Juntos vamos vencer, vencer e vencer, é só você querer, yo ho! | Porque dançamos com a vida! Com o perigo brincamos! Grandes virtudes guardamos! Isso ninguém dúvida, yo ho! | Grande Capitão Jack Sparrow! | Imensas aventuras enfrentou! Até o Baú da Morte buscou! E ao fim do mundo viajou! | Que orgulho seria, oh se seria, yo ho! Participar de sua tripulação! Por sua honra e à grande aventura, Daria todo meu coração, yo ho!”  -  Resposta enviada por Erica Abiko para a pergunta: “O que você diria para o Capitão Jack Sparrow para fazer parte da tripulação dele?”, na promoção Piratas em Dobro. Ela ganhou um kit “Piratas do Caribe”, oferecido pela Videolar!

 

Este ano tivemos várias promoções e concursos realizados em ocasiões deveras especiais, tais como o aniversário de 02 anos do site, lançamentos cinematográficos e em Home Vídeo, o início das férias escolares em Julho e até mesmo o Natal! Foram muitos os prêmios disputados: desde posterskitsedições em Blu-ray e em DVD até trilhas sonoraspelúcias, álbuns de figurinhas e franquias completas em alta definição! Também não podemos nos esquecer de outros grandes portais e redes comerciais cuja parceria foi fundamental para a criação dessas promoções – são eles os parceiros AnimatoonsBJC e as lojas Animaloja,Videolar Panini. Infelizmente, não dá para apresentar a lista completa dos ganhadores desse ano, mas agradecemos a todos aqueles que participaram dos concursos – no site ou através do Twitter – e avisamos para ficarem de olho nas futuras promoções que ainda estão por vir!

 

E se nossa equipe, comandada pelo ilustríssimo criador do site e editor-chefe Jonas Jacques, já contava com brilhantes redatores no ano passado, em 2011 foram igualmente recebidas novas e grandes adições ao time: MaryanaGuilherme FibraAna NavarreteLucas Lopes MoreiraMaiara TissiLucas NevesLuiz Henrique – sendo que o antigo colaborador do AnimatoonsAnimaluco, também fez uma participação especial no Disney Mania em Julho, com sua CNC de “A Pequena Sereia”. Falando nisso…

“Olá pessoal, estou aqui apresentando para vocês um novo especial que decidimos fazer para os nossos leitores com a intenção de trazer de volta às nossas memórias alguns clássicos memoráveis da Disney. Portanto, toda semana eu irei tratar de um clássico Disney presente na minha coleção pessoal em casa e de certa forma, especial para mim. Aviso logo que vocês não verão aqui críticas de todos os clássicos Disney. Adoro todos, mas vou dar atenção apenas aos de minha preferência. Eu espero que vocês gostem. A intenção não é destacar os melhores na minha opinião, e sim abrir espaço para discussões sobre os que gostam dos filmes e incentivar outros a assistir clássicos ainda não vistos. Portanto, espero que gostem. E bem vindos de volta ao mundo dos clássicos Disney!”  -  introdução feita por Felipe Andrade no primeiro especial do Clássicos Na Crítica!

 

 

Em Março foi lançada no Disney Mania a série Clássicos na Crítica (CNC), constituída por avaliações feitas por alguns integrantes do site de vários dos maiores Clássicos de animação já produzidos pela Walt Disney Pictures. A série foi criada pelo colaborador Felipe Andrade, por sua vez autor de grande parte das matérias. Os colaboradores Luís Fernando, Gregório da Luz e Maiara Tissi também contribuíram com alguns especiais. Até o momento, a série já abordou Clássicos como “O Corcunda de Notre Dame”, “Mulan”, “A Princesa e o Sapo”, “Dumbo”, “O Rei Leão” entre outros, sendo que muitos filmes ainda serão avaliados no decorrer dos próximos anos!

Não poderia haver um momento melhor para finalmente ser criado o Podcast do Disney Mania! Após muito tempo de planejamento para trazer a vocês o melhor episódio piloto possível, parte de nossa equipe se reúne para discutir o Grande Relançamento de “O Rei Leão” tanto nos cinemas quanto em home-video!  -  introdução ao Podcast Disney Mania 01!

 

2011 de fato foi um ano repleto de novidades para o Disney Mania! Tivemos enfim o nosso primeiro Podcast, apresentado por Jonas Jacques, Felipe Andrade e Nathalia Santos mais os convidados Animaluco e Tiago Lamonica! Quanto ao assunto abordado, não poderia ter sido outro senão o retorno do grande “O Rei Leão” aos cinemas e em Home Vídeo, onde foram discutidas opiniões, informações e curiosidades a respeito do Clássico.

 

 

Por fim, também foram lançados outros especiais de destaque, como a série Disney On Broadway, de autoria do colaborador Nicolas Marlon, apresentando tudo sobre os grandes musicais já criados pela Disney, incluindo “A Bela e a Fera”, “O Rei Leão” e “Mary Poppins”, dentre outras informações acerca dessas artes cênicas, e a série Lendas Disney, criada por Luís Fernando, com biografias de grandes profissionais e mestres que contribuíram em muito com a produção dos grandes Clássicos da Walt Disney Pictures.

 

 

Ufa! Foi um um ano cheio, não é!? Mas fique de olho no Disney Mania, pois logo mais teremos outro super especial para você!

 

 

Por

Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

border= border=

7 Comments

  1. Gregoriodaluz (Reply) on domingo 25, 2011

    Que resumo! Grande ano da Disney e do site! Que no proximo tenha tudo isto e mais!! ;)

     
    • BelotoCabral (Reply) on domingo 25, 2011

      Sim sim!!! :-D E boas festas para ti Greg!!! :-D

       
  2. Apollo Creed (Reply) on domingo 25, 2011

    Ufa! Deu trabalho ler tudo isso, e um simples 'obrigado' é muito pouco pela dedicação de montar um post desses refrescando nossa memória de coisas que a gente pode até se lembrar, mais acaba esquecendo que aconteceu neste mesmo ano que se encerra.

    Meus parabéns à toda a equipe, atenciosa durante todo o ano e que trouxe um excelente conteúdo a nós, leitores, nesta temporada. O ápice do ano pra mim ficou dividio entre o mês de fevereiro, com Randy Newman ganhando seu Oscar e o lançamento em 3D de O Rei Leão, em Setembro.

    No mais, é isso! Agradeço a todos mais uma vez pelo excelente ano!

    Valeu pela Força!!!

     
    • BelotoCabral (Reply) on domingo 25, 2011

      Em meu nome e em nome de toda a equipe nossos sinceros agradecimentos! De minha parte, fico muito honrado em ver que este especial lhe agradou tanto! Que bom que gostou! :-D
      E que 2012 tenha vários outros ótimos momentos para todos nós, Disney Maníacos! :-D

       
  3. BelotoCabral (Reply) on domingo 25, 2011

    AH!!!! Essas montagens de abertura e encerramento ficaram lindas!!! *-*
    E essas de cada mês e dos trailers então? Ficaram tão chiques! :-D Rsrsrsr… Jonas seu danado, parabéns pelas montagens! Ficaram perfeitas!!! :-D
    E espero que todos vocês tenham gostado do texto (e que tenham tido paciência para ler tudo.. rsrsrsr…)! Boas festas a todos!!! :-D

     
  4. Nathalia (Reply) on domingo 25, 2011

    Maravilhosa retrospectiva! Que 2012 seja recheada de muita Disney pra todos!

     
    • BelotoCabral (Reply) on domingo 25, 2011

      Obrigado Nati! Feliz 2012 para você também! :)

       

Leave a Comment

Banner